Jovens são presos por compartilhar pornografia infantil em rede no Sertão (G1 Pernambuco)

Pelo menos seis pessoas estavam envolvidas no crime em Salgueiro- PE.
Adolescente fez denúncia à Polícia Federal.

Duas pessoas, de 20 anos, foram presas em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, suspeitas de estarem compartilhando fotos e vídeos de uma adolescente em um aplicativo instalado em celulares. De acordo com a Polícia Federal, a investigação foi iniciada após uma adolescente ter procurado à PF e denunciando que os seus arquivos, contendo imagens íntimas, estariam sendo disseminados em um grupo no celular e em rede social.

O grupo fazia alusão à uma festa marcada para o mês de abril no município. Umas das detidas era quem administrava a inserção das usuários que participavam do aplicativo. Após serem intimados a depor, os celulares dos dois suspeitos foram apreendidos e investigados. Os peritos da Polícia Federal encontraram, armazenados na memória dos aparelhos, registros do crime.

Os dois foram presos em flagrante, mas pagaram fiança no valor de R$ 242. Os suspeitos irão responder em liberdade por ‘armazenar por qualquer meio fotografia ou vídeo que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente’, previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Caso sejam condenados, a pena varia de um a quatro anos de reclusão.

Os outros suspeitos de participarem do grupo também foram ouvidos e os aparelhos celulares foram apreendidos pela PF para perícia.

A oferta, troca, disponibilização, transmissão, distribuição, publicação ou divulgação por qualquer meio, de arquivo que contenha pornografia infantil é crime, ressalta a Polícia Federal. A pena varia de três a seis anos de reclusão.

>Ler mais

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Comentarios:

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code
     
 

*