Startup oferece serviço de remoção de conteúdo para vítimas de pornografia de vingança (Hypeness)

241215_leakserv

por Redação Hypeness

Embora existam ferramentas de controle de conteúdo nas redes sociais, é praticamente impossível rastrear o conteúdo disseminado na internet e isso pode ser tornar um grande problema em casos de pornografia de vingança. Por isso, a empresa sueca Leakserv oferece um serviço inovador de rastreamento e remoção de material explícito ou não consensual da web para essas vítimas.

O processo começa quando a pessoa prejudicada recorre ao serviço apontando o conteúdo problemático. A Leakserv faz então o rastreamento e monitoramento avançados capazes de identificar cada cópia do material e onde ele está hospedado. Em seguida, a empresa emite avisos DMCA (Digital Millennium Copyright Act), que exige que o uploader ou distribuidor remova o conteúdo, garantindo também que este seja bloqueado em ferramentas de busca, impedindo assim a sua propagação.

A Leakserv, fundada por Bart van Leeuwen e Nick Steenland com a missão de amenizar o trauma destas vítimas oferece também outros serviços para pessoas que tiveram seu conteúdo roubado, ferramentas de proteção de identidade, entre outros ofícios realizados por uma equipe especializada em remoção, rastreamento e monitoramento de conteúdo.

“Conhecer essas vítimas e aprender os problemas que elas têm enfrentado por causa da pornografia de vingança foi o suficiente para iniciar um negócio que iria fornecer serviços para ajudá-las. Já ajudamos mais de 100 vítimas e nosso objetivo é alcançar ao menos a metade no próximo ano”, contou Leeuwen ao Startupdaily.

>Ver artigo original.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Comentarios:

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code
     
 

*