Três motivos persuasivos para não deixar seu marido assistir pornografia (Spymaster Pro)

Três motivos persuasivos para não deixar seu marido assistir pornografia

Debora Sousa | 5th Jun 2017
Desde a invenção da WorldWide Web in 1991, o streaming de conteúdo pornográfico surgiu como elemento comum de nossa fantasia. Os jovens na casa dos 20 não são os únicos atraídos e viciados nesse tipo de coisa; mulheres e homens casados não se sentem mal por atingir a satisfação sexual a qualquer momento saboreando o ato de prazer de outras pessoas. Além disso, segundo um relatório independente, você sabia que 420 milhões de páginas na Internet são dedicadas a streaming de pornografia? No entanto, apontamos os três principais motivos persuasivos para não deixar seu marido seguir essas coisas:

1. Casamento e sexo não são sinônimos

Isso pode impressionar muitos jovens casais, mas é a verdade inegável. Se o sexo fosse o único elemento a atar o nó nupcial, então a própria teoria do matrimônio seria fraudulenta. Em muitos lugares do mundo, acompanhantes sexuais podem satisfazer os desejos sexuais de homens e mulheres. Então pergunte a si mesmo: por que há uma exigência para se casar se basta chamar um acompanhante sexual quando houver picos de adrenalina?

Nós precisamos de alguém para estar do nosso lado durante os momentos bons e ruins; é essa a essência do casamento. Por isso, se seu marido assiste pornografia e está sempre te evitando, é provável que o “sexo” tenha assumido uma posição dominante na mentalidade dele e as emoções já não são importantes. Por isso, está na hora de pedir para ele se afastar da pornografia.

Como espionar um celular sem ter acesso ao aparelho?

2. A violência doméstica está em ascensão

Muitos estudos apontaram a correlação entre o conteúdo pornográfico presente na Internet e a violência doméstica. Desde então, a maior parte desse conteúdo preparado por profissionais para ganhos monetários mostra mulheres sendo tratadas como objetos sexuais. Isso, por sua vez, tem um impacto negativo em alguns homens (não todos)e, da mesma forma, nas mulheres presentes nas vidas deles. Todas as mulheres, primeiramente como filha, irmã, esposa e depois mãe, têm vários papéis para desempenhar e sacrifícios para fazer em uma única vida. Por isso, respeite todas as mulheres na sua vida.

3. Pode perder interesse em outras atividades da vida

Assim como uma overdose de álcool pode afastar seu companheiro de você, o vício em pornografia pode transformá-lo em um mal social ou simplesmente em um idiota sexual. Tem havido muitos casos recentes onde a pornografia tem persuadido indivíduos a cometer crimes contra as mulheres, e muitos passaram por um tratamento de desintoxicação de pornografia.

Leia também: Meu marido não me elogia mais – Descubra a resposta

Como garantir que meu marido não está viciado em filmes pornográficos?

Spymaster Pro, um nome de confiança, lhe dá o poder de monitorar as atividades do celular do seu marido. Com as funcionalidades de histórico do navegador desse software, você pode ver cada palavra-chave digitada no motor de busca. Se esses dados do navegador revelarem que ele assiste pornografia com frequência, até mesmo durante o expediente e tarde da noite, então é de fato um sinal de alerta: ele está fascinado pelo streaming depravado (ou até mesmo viciado).

Com esse software de monitoramento de celular, você pode desvendar um possível caso extraconjugal do seu parceiro. Além disso, o Spymaster Pro é o melhor e mais seguro software de espionagem de celular para Android, pois os dados recolhidos do seu marido não serão vazados ou revelados para ladrões de identidade.

>Ver artigo original.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Comentarios:

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code
     
 

*