Mira Sorvino escreve carta de apoio à filha de Woody Allen (Público)

Mira Sorvino escreve carta de apoio à filha de Woody Allen

Em Outubro, Mira acusou Harvey Weinstein de assédio sexual e culpou-o por ter sido afastada do mundo do cinema.

CULTO | FOTO: REUTERS/REGIS DUVIGNAU

Depois de a filha adoptiva de Woody Allen ter acusado algumas celebridades de “revolução selectiva”, por não preterirem o pai como fizeram com o produtor Harvey Weinstein ou o actor Kevin Spacey, a actriz Mira Sorvino responde-lhe numa carta partilhada pelo HuffPost.

Depois da noite dos Globos de Ouro, Dylan Farrow acusou algumas celebridades de darem a cara pela defesa da igualdade de género e contra o assédio sexual, mas, em paralelo, continuarem a trabalhar com alguém que foi acusado de agressão sexual, o seu pai.

Mira Sorvino, que nunca sofreu com nenhum comportamento inapropriado de Woody Allen, pediu desculpas por ter fechado os olhos, apesar de ter desejado que a história de Dylan não fosse verdade. “É difícil cortar laços e denunciar os teus heróis, os teus benfeitores, pessoas que tu admiras com carinho e com quem tens uma dívida de gratidão relativamente à tua carreira. Embora possam ser fantasticamente talentosos e apesar de te terem ajudado muito, tu acreditas que eles fizeram coisas para as quais não pode haver desculpa”, escreveu.

Em Outubro passado, Mira Sorvino contou ao The New Yorker que Harvey Weinstein a tinha assediado, em 1995, no auge da sua carreira como actriz. Nesse mesmo artigo, a actriz contou que sentiu que foi afastada da indústria do cinema depois de ter dito ‘não’ a Weinstein. No início deste ano, o pai de Mira Sorvino, o actor Paul Sorvino, veio a público pedir justiça em nome da filha, chegando mesmo a ameaçar Weinstein.

“Sinto muito, Dylan! (…) Não vou voltar a trabalhar com ele [Woody Allen]!”, escreveu. Mira Sorvino aproveitou também para pedir desculpas por ter demorado algumas semanas a apoiar a filha do cineasta, acrescentando que foi um processo complicado de gerir.

”Muito amor, inclusão e admiração pela tua coragem durante todo este tempo. Eu acredito em ti!!! Admiro a tua integridade e bravura, uma mulher que teve de permanecer praticamente sozinha durante todos estes anos, depois de contar a sua dolorosa verdade. Tu és uma verdadeira heroína! Estou contigo.”

Recorde-se que a filha de Allen acusa-o de abusos quando era criança.

>Ver artigo original.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Comentarios:

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code
     
 

*