Mulher-Maravilha 2 será o 1º filme a aplicar as medidas da PGA contra assédio sexual (TudoCelular)

Mulher-Maravilha 2 será o 1º filme a aplicar as medidas da PGA contra assédio sexual

Na última sexta-feira (19), a Associação de produtores da AméricaProducer’s Guild of America (PGA) no original – divulgou um documento que deverá servir como guia para prevenir e combater práticas de abuso sexual dentro dos sets de filmagem de Hollywood. E já no sábado (20) foi anunciado que a primeira produção que seguirá o guia será Mulher-Maravilha 2.

O anúncio foi feito à PGA e reforça todo o movimento gerado após a onda de acusações contra profissionais do ramo que surgiu em 2017. Mais especificamente, a atitude dos responsáveis pela sequência de Mulher-Maravilha se mantém de acordo com a postura da equipe diante das acusações contra o produtor Brett Ratner, apontado como um dos homens da indústria com um histórico de episódios de assédio sexual. Ratner foi acusado por várias mulheres de ter demonstrado atitudes abusivas, incluindo a atriz Ellen Page, com que ele trabalhou no filme X-Men: o Confronto Final, e está fora da continuação.

A rápida adoção das diretrizes de prevenção e de combate às práticas de assédio e abuso sexual da PGA está em total acordo com o que a personagem da Mulher-Maravilha representa, inclusive. Sendo uma mulher poderosa e independente, que defende pessoas inocentes e vem servindo de inspiração para mulheres em todo o mundo há décadas, é bom ver esses valores extrapolarem o roteiro do filme e serem aplicados em um assunto dessa gravidade.

“Assédio sexual não pode mais ser tolerado em nossa indústria ou entre os membros da Associação de Produtores,” disseram os presidentes da PGA, Gary Lucchesi e Lori McCreary. O comunicado da associação segue afirmando que “Nós estamos em um momento de transição como sociedade, no qual estamos reavaliando comportamentos no nossa ambiente de trabalho e além. Produtores possuem autoridade tanto dentro como fora dos sets de filmagens e podem servir como líderes essenciais na criação e manutenção de ambientes de trabalho baseados em respeito mútuo.”

Mulher-Maravilha está previsto para estrear no cinemas em 2019 e contará com o retorno da diretora Patty Jenkins e da atriz Gal Gadot.

>Ver artigo original.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Comentarios:

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code
     
 

*